Os unicórnios são empresas que atingiram mais de US$ 1 bilhão (dólares) em valor de mercado. Esse feito é considerado bem difícil de acontecer, pois muitas marcas não conseguem chegar a esse nível, o que leva a ser considerada uma empresa Unicórnio.

Na mitologia, o unicórnio é uma criatura rara e mágica. Por isso a empresa Aileen Lee, do fundo americano Cowboy Ventures, encontrou este termo para descrever as startups que atingem essa conquista.

Pelo mundo, não existem muitas empresas que são consideradas Unicórnios. São em torno de 500 empresas que recebem esse título, sendo que a grande maioria estão na China e Estados Unidos. Porém, há algumas empresas no Brasil, o que nos leva a lista dos 16 Unicórnios brasileiros em 2021.

Os 16 Unicórnios brasileiros em 2021

99

A 99 é uma Startup de aplicativos de transporte particular. Foi a primeira brasileira a se tornar uma empresa Unicórnio. A empresa recebeu uma contribuição de US$ 100 milhões do fundo japonês SoftBank, na qual foi avaliada em mais de US$ 1bilhão.

Arco Educação

A Arco Educação é uma companhia brasileira focada em soluções educacionais para o ensino básico. Em 2018, fundador fez uma oferta pública inicial de ações de US$ 210 milhões na Nasdaq, se diferenciando do processo da maioria das Startups brasileiras. A empresa é a primeira brasileira no setor de bolsa de Nova Iorque (NASDAQ).

C6 Bank

No final do ano de 2020, o banco digital C6 Bank atingiu a marca de US$ 2,1 bilhões, ou seja, R$ 11,3 bilhões. A marca foi atingida graças a uma capitalização de 1,3 bilhão de reais.

Creditas

No final de 2018, a fintech de crédito com garantia de veículos e de imóveis Creditas se tornou unicórnio, com um valor de mercado de US$ 1,75 bilhão. A marca foi atingida graças a um investimento de US$ 255 milhões, liderada pelo fundo LGT Lightstone.

Ebanx

É uma empresa brasileira fundada em 2012 que oferece soluções financeiras para pagamento e conecta consumidores latino-americanos a empresas globais. A empresa realiza pagamentos em cross-border para negócios como Spotify, AliExpress, Uber, entre outros. A startup recebeu um valor superior a US$ 1 bilhão.

Gympass

A Gympass é uma plataforma corporativa que reduz o valor para funcionários de empresas conveniadas ao uso de academias e atividades físicas. A startup recebeu uma contribuição de US$ 300 milhões, liderado pelo grupo empresarial SoftBank, na qual subiu sua avaliação de mercado para US$1 bilhão.

iFood

Fundada em 2011, a iFood é uma empresa que atua no ramo de entrega de comida pela internet. A empresa é líder de negócio do setor na América Latina, estando presente na Argentina, Colômbia e México. A empresa recebeu um investimento de US$ 500 milhões referente a um aporte liderado pela Movile, Naspers e Innova Capital.

Houve um investimento dos fundos de capital de risco no valor de US$ 400 milhões na Movile, empresa que comprou a iFood em 2014 e investiu o restante da quantia do aporte. Sendo assim, a empresa atingiu sua marca de US$ 1 bilhão e tornando-a a sexta empresa Unicórnio do Brasil.

Loft

A Loft é uma plataforma digital que consiste em vendas e compra de imóveis, usando a tecnologia para simplificar essa modalidade. A empresa é a primeira Startup a se tornar o Unicórnio em 2020. Pelos fundos Andreessen Horowitz, Fifth Wall Ventures e Vulcan Capital, a empresa recebeu um investimento de US$ 175 milhões.

Loggi

A Loggi foi a oitava empresa a se tornar um Unicórnio brasileiro, de acordo com a VEJA revelou, após rodada de investimento. A empresa consiste em unir empresas, consumidores e motofretistas. Os investimentos foram feitos por SoftBank, Microsoft, GGV, Fith Wall e Velt Partner.

Madeira Madeira

O mais novo Unicórnio Brasileiro é o site site MadeiraMadeira, que comercializa artigos para o lar. O valor de US$ 1 bilhão foi atingido após um aporte de US$ 190 milhões, realizado pelo SoftBank e Dynamo.

Com 10 anos de mercado, a MadeiraMadeira cresceu 120% em 2020. Esse crescimento foi favorecido pela pandemia, isso porque a empresa vendeu mais devido ao aumento da demanda de itens para o lar e pelo aumento do comércio eletrônico.

Nubank

A Nubank é a primeira Startup brasileira no ramo de serviços financeiros, atuando como operadora de cartões de crédito e fintech. Fundada em 2013 por David Vélez, a empresa chegou a sua marca de Startup unicórnio em 2018, chegando a sua marca de US$ 1 bilhão, depois de participar de uma rodada de investimentos.

PagSeguro

Apesar de ser questionada de estar nesta lista por não ser considerada uma startup, o PagSeguro é considerado sim um Unicórnio. Isso porque o PagSeguro não era uma empresa em sua origem, mas sim propriedade de outra, o UOL, que pertence ao Grupo Folha.

Em 2018, a PagSeguro realizou a maior abertura de capital de uma empresa brasileira na sua estreia na bolsa de Nova Iorque, levantando US$ 2,6 bilhões. Em seu primeiro dia de negociações, as ações da empresa tiveram aumento de 35,8%. Com isso, o PagSeguro atingiu o valor de mercado de US$ 8,99 bilhões.

No segundo trimestre de 2018, o PagSeguro registrou um lucro líquido de R$ 227,6 milhões, alta de 176,8% em comparação com o mesmo semestre do ano anterior. A receita líquida foi de R$ 1 bilhão, e suas ações na NASDAQ aumentaram quase 12%.

Quinto Andar

Quinto andar é uma Stratup fundada em 2013 no qual seu foco são aluguéis de imóveis. Seus fundadores foram André Penha e Gabriel Braga. A empresa foi avaliada em US$1 bilhão. Seu foco está em aluguéis de imóveis de forma prática, onde o inquilino não precisa apresentar fiador, seguro fiança ou depósito-caução.

Stone Pagamentos

A fintech brasileira Stone Pagamentos se tornou atua no mercado desde 2014, e oferece serviços de adquirência multibandeiras por intermédio de máquinas de cartões, processadoras de transações realizadas por cartões de crédito, débito e voucher. Em 2018 a empresa realizou sua oferta inicial de ações (IPO) na bolsa de valores de Nova Iorque (NASDAQ). A Stone é parte integrante da holding Stone Co., que possui outras empresas do ecossistema de pagamentos no Brasil.

Wildlife

O estúdio de jogos para celular recebeu no início do ano passado um aporte financeiro do fundo americano Benchmark Capital de US$ 1,3 bilhão, se tornando mais um unicórnio brasileiro.

A empresa foi criada pelos empreendedores, engenheiros e irmãos Arthur Lazarte e Victor Lazarte em 2018, e teve um crescimento médio de 80% nos últimos seis anos. Alguns de seus games mais famosos são Sniper 3D e Tennis Clash.

Vtex

Fundada em 1999 por Geraldo Thomaz e Mariano Gomilde de Farias, a Vtex é uma multinacional brasileira de tecnologia, em que seu foco consiste em cloud commerce desenvolvedora da plataforma VTEX Cloud commerce SaaS (Software as a Service).

A empresa é responsável por toda estrutura necessária para que os lojistas possam cadastrar seus produtos, integrar meios de pagamento, calcular frete, etc. A empresa que foi a segunda a se tornar Unicórnio em 2020, durante a pandemia fez uma nova rodada de investimento e foi avaliada em US$ 1,7 bilhão.