A √Ēmega Energia est√° ingressando no mercado americano. Em suma, a geradora do Brasil de fontes renov√°veis, fechou um acordo com um s√≥cio americano do setor de ativos de infraestrutura, dando in√≠cio √† instala√ß√£o do projeto e√≥lico Goodnight, no Texas.

De come√ßo, devem ser instalados os primeiros 265,5 MW de capacidade, e isso deve alcan√ßar um total de 531 MW at√© o fim de 2023, conforme o comunicado divulgado pela companhia na √ļltima quinta-feira, 30 de junho.

Abaixo, confira os detalhes desse novo negócio.

√Ēmega Energia anuncia o primeiro projeto nos EUA

A compra da unidade nos Estados Unidos foi citada no come√ßo desta semana, quando a √Ēmega anunciou um acordo com o fundo brit√Ęnico Actis. Al√©m disso, houve a cita√ß√£o do contrato com o parceiro estrangeiro j√° com a imin√™ncia de fechar uma compra no pa√≠s.

Em suma, a √Ēmega conta com 1.869 MW de capacidade instalada em projetos de energia solar, e√≥lica e hidrel√©trica no Brasil. Ao todo, a companhia consegue abastecer 3,8 milh√Ķes de lares. Al√©m disso, opera em 8 estados brasileiros.

Aumento de capital previsto

No acordo de acionistas fechado com os controladores da √Ēmega , a Actis se comprometeu em comprar pelo menos 10% das a√ß√Ķes da companhia em uma opera√ß√£o no mercado secund√°rio.

Na √ļltima quinta-feira (30), a Actis fechou a compra de 70.808.700 a√ß√Ķes da √Ēmega em leil√£o feito na B3, ao pre√ßo de R$ 902,81 por papel e movimentando R$ 902,81 milh√Ķes. Ao todo, levou mais de 12% da companhia de energia. Sendo dona dessa fatia, a Actis ingressa no bloco de controle.

Ademais, a Actis vai poder subscrever uma alta de capital da √Ēmega no valor de at√© R$ 850 milh√Ķes, em uma opera√ß√£o que aconteceria entre outubro de 2022, e mar√ßo de 2023. Os recursos devem ser usados para financiar o crescimento da companhia.

O acordo com a gestora de ativos em infraestrutura vai poder resultar ainda em investimentos em parceria no valor de at√© US$ 500 milh√Ķes em projetos no segmento de renov√°veis a serem desenvolvidos, ou comprados pela companhia nos EUA, onde a √Ēmega tem uma subsidi√°ria.

Por fim, vale ressaltar que as opera√ß√Ķes com o s√≥cio americano apenas se tornar√£o efetivas, depois da conclus√£o da negocia√ß√£o de documentos entre as duas partes, informou a √Ēmega.