A Rede de Farmácias Pague Menos deseja ampliar sua rede de sócios, pois solicitou um registro de oferta pública (IPO) à Comissão de Valores Imobiliários (CVM) em 25 de junho; fato que permitirá a entrada da empresa na bolsa de valores e que poderá movimentar mais de um bilhão de reais em breve.

A Pague Menos pretende ofertar, em primeiro momento, 87.873.463 ações; mas também considera a distribuição suplementar de 13.181.019 títulos, de acordo com os novos documentos publicados no site da instituição em 27 de julho.

O preço indicativo de cada ação na IPO deverá estar entre R$ 10,22 a R$ 12,54; sendo que a precificação fixa sai no dia 31 de agosto. Desta forma, a operação pode movimentar cerca de R$ 1,3 bilhão considerando a quantidade inicial e suplementar de distribuição e a média da faixa indicativa (de R$ 11,38 por ação).

Caso tudo dê certo, a Pague Menos tem entrada na bolsa de valores de São Paulo, na B3, marcada para o dia 2 de setembro de 2020, com o ticker PGMN3.

O pedido de IPO foi realizado para que a empresa realize distribuição primária, assim captando mais recursos para o caixa da Pague Menos, e também uma distribuição secundária de ações, o que fará com que os ganhos sejam direcionados aos novos acionistas.

Sobre a Pague Menos

A Rede de Farmácia Pague Menos, fundada em 1981, conseguiu se espalhar nesses 39 anos entre todos os estados brasileiros, incluindo o Distrito Federal, em 327 cidades; remunerando mais de vinte mil funcionários. Sendo que a rede de lojas totalizou 1.112 lojas ao todo até o último balanço feito.

Durante o segundo trimestre de 2020, a companhia teve aumento de 1,4% no lucro líquido, chegando a R$ 9,14 milhões contra um forte prejuízo líquido obtido no segundo trimestre do ano passado de R$ 15,5 milhões negativos.

Sobre a administração da Pague Menos, o Conselho nomeou uma substituta após a renúncia do antes Presidente do Conselho de Administração da Rede, Francisco Deusmar de Queirós. Agora a presidência é ocupada por Patricia Maria de Queirós Rodrigues, que possui mais de 25 anos de experiência na área farmacêutica.

Pague Menos inaugurada em Campinas, no interior de São Paulo.
Pague Menos inaugurada em Campinas, interior de São Paulo, no início de 2020.