O mundo das redes sociais está agitado. O ex-engenheiro de software do Google, o turco Orkut Büyükkökten, reativou o site original Orkut na quarta-feira, 27 de abril. A rede social que carrega o nome de seu criador viralizou no mundo, inclusive no Brasil, até ser desativado em 2014.

Atualmente, o site orkut.com está ativo e conta com apenas uma página que traz uma mensagem de Orkut, o criador. No texto, o turco fala um pouco sobre o desenvolvimento da rede social e menciona o importante marco de 300 milhões de usuários espalhados pelo mundo.

Além disso, Orkut fala sobre como acredita no potencial das redes sociais para aproximar pessoas e ainda lançou o seguinte: "Elas [as redes sociais] devem proteger nossos dados, não vendê-los. A melhor rede social é aquela que enriquece sua vida, mas não a manipula".

Reprodução/Orkut.com
Reprodução/Orkut.com

Fundador fala sobre o Orkut e atual realidade das redes sociais: "estou construindo algo novo"

Depois de mencionar alguns dos problemas existentes nas redes sociais hoje em dia, que traz "ódio online", Orkut disse que, mesmo assim, acredita no potencial delas para beneficiar o mundo. Confira:

O mundo precisa de gentileza agora mais do que nunca. Há tanto ódio online nos dias de hoje, e nossas opções para encontrar e construir conexões reais são poucas e bem escassas. Sempre acreditei que uma amizade é mais do que um pedido de amizade, e dediquei minha vida para ajudar milhões de vocês a construir conexões autênticas com seus vizinhos, familiares, funcionários e os belos estranhos que entram em suas vidas.

Eu sou uma pessoa otimista. Acredito no poder da conexão para mudar o mundo. Acredito que o mundo é um lugar melhor quando nos conhecemos um pouco mais. É por isso que criei a primeira rede social do mundo quando era estudante de pós-graduação em Stanford. É por isso que eu trouxe o orkut.com para tantos de vocês ao redor do mundo. E é por isso que estou construindo algo novo. Vejo você em breve!

Para terminar de anunciar a novidade, que agitou a internet, Orkut deixa uma caixa para que interessados possam cadastrar um e-mail e assim receber atualizações sobre o que está por vir.

Orkut nos assuntos mais comentados do Twitter

O movimento do fundador do Orkut ocorreu logo após a compra do Twitter pelo bilionário Elon Musk, em 25 de abril, por US$ 44 bilhões.

E no Twitter, a reativação do Orkut ficou entre os assuntos mais comentados do dia 27 de abril, na 2ª posição, perdendo só para o "WhatsApp", que apresentou instabilidade no dia para alguns usuários.

Reprodução/Twitter.
Reprodução/Twitter.

Na rede social, que agora é do Elon Musk, brasileiros e gringos comentam sobre a "notícia do dia", rendendo muitos memes. Confira abaixo alguns: