O mercado de streaming virou febre no Brasil e no mundo. Atualmente, existem vários tipos, desde séries e filmes até músicas, com várias possibilidades: aluguel, compra e/ou assinatura de serviços.

Diante da intensa procura por entretenimento, várias empresas investiram para desenvolver e melhorar aplicativos e sites que promovam boas experiências para manter os usuários.

Segundo uma pesquisa da MIDiA Research, o total de assinantes de streaming de música no mundo era de 523,9 milhões até o segundo trimestre de 2021, sendo um aumento de 109,5 milhões (ou de 26,4%) em relação ao mesmo período de 2020.

As mais famosas do mundo da música são, com certeza, a Spotify - que, inclusive é uma empresa listada na Bolsa de Valores de Nova York (a Nyse), assim como os serviços de música das gigantes Google e Apple. Mas o mercado musical é competitivo e existem outras streamers atualmente.

Pensando nisso tudo, nós do Poupar Dinheiro trazemos abaixo uma lista com os principais aplicativos de música, suas características e preços. Confira!

1.Spotify: R$ 19,90 no plano individual

Logo da Spotify. - Créditos: Divulgação.
Logo da Spotify. - Créditos: Divulgação.

A Spotify é o aplicativo que domina o mercado da música, tendo uma participação de mercado de 33%, segundo a mesma pesquisa da MIDiA. Hoje a Spotify possui quatro planos de assinatura, sendo que o primeiro mês não há mensalidade, isto é, ao assinar, você ganha um mês de música grátis no plano individual.

Ao assinar algum dos planos pagos, o assinante tem acesso a milhões de músicas e ainda conta com os seguintes benefícios:

  • Download para ouvir músicas e podcasts sem internet;
  • Músicas e podcasts sem anúncios;
  • Qualidade maior de som (2x melhor frente ao plano free)
  • Músicas sem limites: é possível ouvir em qualquer ordem e pular as faixas;

Veja abaixo os valores dos planos da Spotify atualmente:

  • Spotify Premium Individual: R$ 19,90/mês (1º mês grátis);
  • Spotify Premium Duo: R$ 24,90/mês (até duas contas);
  • Spotify Premium Universitário: R$ 9,90 (uma conta para estudante universitário);
  • Spotify Premium Família e Kids: R$ 34,90 (até 6 contas), incluso app para crianças;
  • Spotify Free: sem custos, mas o acesso à plataforma é limitado (há anúncios; limite para pular faixas na ordem; limite para rodar álbuns e faixas na ordem). Chega uma hora em que as músicas tocam de forma totalmente aleatória e com anúncios, igual uma rádio.

2.Apple Music: R$ 16,90 no plano individual

Logo da Apple Music. - Créditos: Divulgação.
Logo da Apple Music. - Créditos: Divulgação.

Apple Music é o segundo maior serviço de música do mundo, segundo a pesquisa da MIDiA, com uma participação de mercado de 15%. São mais de 90 milhões de músicas e mais de 30 mil playlists, disponíveis tanto para aparelhos com iOS quanto Android.

Assim, não é obrigatório ter um iPhone para assinar o Apple Music. Entretanto, hoje quem adquire o aparelho da icônica marca pode aproveitar seis meses de Apple Music grátis. Veja abaixo os principais benefícios do serviço:

  • Música em todos os dispositos Apple e uso da Siri;
  • Disponível em outros aparelhos compatíveis (inclusive Android);
  • Acesso em macOS ou Windows;
  • Download para ouvir sem internet (até 10.000 faixas);
  • Streaming de músicas sem anúncios;
  • Programas originais, shows e conteúdo exclusivo;
  • Rádios comandadas por artistas;
  • Áudio com alta qualidade (incluso tecnologia Dolby Atmos);
  • Compressão de áudio Lossless (gasta menos internet).

Todos os benefícios do Apple Music estão inclusos nos três planos disponíveis hoje. Veja abaixo os preços dos serviços:

  • Apple Music com Assinatura Individual: R$ 16,90 por mês;
  • Apple Music com Assinatura Familiar: R$ 24,90/mês para até 6 contas (acesso individualizado);
  • Apple Music com Assinatura Universitária: R$ 8,50/mês.

3.Amazon Music: R$ 16,90 no plano individual

Logo da Amazon Music. - Créditos: Divulgação.
Logo da Amazon Music. - Créditos: Divulgação.

Outra gigante de serviço de música é a Amazon Music, o terceiro maior streaming do mundo operado pelo Grupo Amazon. São mais de 90 milhões de músicas na plataforma e também há podcasts.

Na verdade, a Amazon tem dois serviços de música atualmente: o Amazon Music Prime, com 2 milhões de faixas, que está incluso gratuitamente para os assinantes do Amazon Prime, um plano de frete grátis que traz outros serviços, como música, filmes e séries. E possui também o Amazon Music Unlimited, o streaming completo.

Confira abaixo os principais benefícios do Amazon Music Unlimited:

  • Sem anúncios;
  • Mais de 90 milhões de músicas em HD;
  • Download para usar sem internet;
  • Tecnologia Dolby Atmos e 360 Reality Audio.

A Amazon Music Unlimited tem três planos atualmente. Confira abaixo:

  • Amazon Music Unlimited Individual: R$ 16,90 (grátis por 6 meses após assinatura);
  • Amazon Music Unlimited Família: R$ 24,90 para até 6 pessoas (grátis por 3 meses após assinatura);
  • Amazon Music Unlimited Echo: R$ 6,90/mês (grátis por um mês), disponível apenas para os dispositivos Echo, Echo Dot, Echo Plus, Echo Show, Echo Studio, Echo Input, Echo Spot, Fire TV.

4.Deezer: R$ 19,90 no plano individual

Logo da Deezer . - Créditos: Divulgação.
Logo da Deezer . - Créditos: Divulgação.

Assim como suas concorrentes, a Deezer é um aplicativo de streaming que oferece acesso, além de música, a outros conteúdos, como podcasts. Com mais de 90 milhões de faixas em seu catálogo, hoje a Deezer mostra-se mais acessível em relação às outras acima, isso porque a empresa possui parceria com outras empresas, como Tim, Globoplay e Mercado Livre. Além disso, a Deezer possibilita um acesso grátis ao à plataforma, apesar de ser um serviço limitado e com anúncios.

  • Disponível para IOS e Android;
  • Download para ouvir depois sem internet;
  • Criação de bibliotecas;
  • Faixas selecionadas por especialistas;
  • Letras das músicas na íntegra;
  • Áudio de melhor qualidade nos planos premium.

Confira abaixo os preços dos planos da Deezer atualmente:

  • Deezer Free é grátis, mas com limitações: não é possível escolher as faixas livremente (só ouvir de forma aleatória), contém anúncios, sem downloads;
  • Deezer Premium: R$ 19,90, sendo possível ainda assinar plano anual com desconto (R$ 179,10);
  • Deezer Premium Family: R$ 34,90/mês para até 6 contas;
  • Deezer Premium Student: R$ 9,90/mês só para jovens com idade entre 18 e 25 anos, matriculados em faculdade ou universidade;
  • Deezer HiFi: R$ 34,90/mês, sendo um serviço de música com qualidade muito maior, de estúdio.

Vale mencionar que, até o momento de edição desta matéria, a Deezer está com uma oferta promocional em todos seus planos (Premium, Family, Student e HiFi), que traz mensalidade total de R$ 1,80 por 2 meses, a ser paga pelo preço de R$ 0,90 por mês. Ao final do seu período de teste, você será convertido automaticamente para o preço integral de sua assinatura.

5.YouTube Music: R$ 16,90 no plano individual

Logo do YouTube Music . - Créditos: Divulgação.
Logo do YouTube Music . - Créditos: Divulgação.

O serviço de música que mais cresce no Ocidente, segundo dados de pesquisa recente da MIDiA é o YouTube Music, do Grupo Google. O diferencial é, sem dúvidas, o acesso aos vídeos de música, ou seja, aos videoclipes dos artistas, em um aplicativo sem anúncio. Confira abaixo os principais benefícios:

  • Acesso a mais de 70 milhões de música;
  • Acesso a outros conteúdos exclusivos, como apresentações ao vivo;
  • Letras das músicas no aplicativo;
  • Possibilidade de alternar entre vídeo e música;
  • Disponível para vários dispositivos: celular, smart TV, carro, smartwatch e outros;
  • Sem anúncios;
  • Músicas em segundo plano;
  • Download para ouvir sem internet.

Agora confira agora os planos do YouTube Music hoje, sendo que em todos eles há atualmente inclusão de um mês grátis:

  • YouTube Music Premium: R$ 16,90/mês para uma conta;
  • YouTube Music Família: R$ 25,90/mês para até cinco membros da família (maiores de 13 anos) que moram na mesma casa;
  • YouTube Music Estudante: R$ 8,50/mês.

6.Resso: R$ 16,90 no plano individual

Logo da Resso . - Créditos: Divulgação.
Logo da Resso . - Créditos: Divulgação.

A Resso é um serviço de música que vai de plano gratuito até premium. Além de mais de 50 milhões de músicas, o aplicativo também garante acesso a muitos podcasts. Dentre as funcionalidades do serviço destaca a própria plataforma que pode ser vista como comunidade, possibilitando que os usuários façam interações, como com comentários.

Com o plano premium, os recursos são os seguintes:

  • Download sem limite para ouvir sem internet;
  • Sem anúncios;
  • Qualidade maior de som;
  • Pulos ilimitados para as faixas;
  • Interação no aplicativo: comentários, curtidas e compartilhamento de conteúdo;
  • Letras das da músicas com tradução do inglês, inclusive com possibilidade de acompanhar as letras na tela de desbloqueio do celular.

Logo, no plano free, não há os recursos acima. Confira abaixo os planos da Resso hoje:

  • Plano Resso Individual: R$ 16,90, com primeiro mês grátis. Plano trimestral de R$ 34,90 com desconto, semestral de R$ 59,90 ou anual de R$ 159,90.
  • Plano Resso Universitário: R$ 8,50 (ou R$ 6,90 com promoção de 20%);
  • Plano Resso Família: R$ 17,90 para até 6 contas no primeiro ano. No segundo ano de uso, é cobrada mensalidade de R$ 26,90.

7.Tidal: R$ 25,35/mês no plano individual

Logo da Tidal . - Créditos: Divulgação.
Logo da Tidal . - Créditos: Divulgação.

O rapper Jay-Z, casado com a cantora e compositora Beyoncé, vendeu sua participação no aplicativo Tidal em 2021, por US$ 1,6 bilhão, a um dos desenvolvedores do Twitter, Jack Dorsey. O Tidal foi o primeiro serviço global de streaming de música com som e vídeo de alta qualidade, segundo o site da empresa.

São mais de 80 milhões de músicas no catálogo e mais de 350 mil vídeos. Apesar de ser reconhecido pela qualidade do serviço, o Tidal é o que tem o preço mais "salgado". Confira abaixo os planos:

  • Tidal HiFi: R$ 25,35/mês; qualidade de som HiFi, sem anúncios, download, até 1411 kbps;
  • Tidal HiFi Plus: R$ 50,70/mês; até 9216 kbps, repasses de até 10% da assinatura a artistas mais ouvidos pelo usuário, royalties definidos pelo consumo dos fãs;
  • Tidal Family: experiência premium por R$ 25,35/mês para até cinco contas;
  • Tidal Student: serviço para estudantes do ensino médio e universitários. O desconto é de 50% sobre os planos HiFi e HiFi Plus.

Como ouvir música grátis? Conheça 3 apps

Com o aumento da inflação no Brasil, manter as contas em dia fica cada vez mais difícil, mas necessário. Nesse cenário, quem curte ouvir música, mas está com o orçamento realmente apertado ainda pode usar aplicativos grátis. A experiência tem menos qualidade e possibilidades do frente a um bom serviço de streaming, mas garante alguma diversão. Dentre os aplicativos que garantem músicas grátis destacam-se os três seguintes:

1.Palco MP3

Quem busca por um aplicativo de música grátis no Brasil tem como opção o Palco MP3, plataforma brasileira que anuncia artistas independentes e não cobra mensalidades. São mais de 1,4 milhão de músicas entre mais de 135 mil artistas.

Além de ouvir as músicas, também é possível realizar download no aplicativo Palco MP3 para ouvir sem internet. Segundo a empresa, já foram feito mais de 6 bilhões de downloads, sendo que também existe o site.

2.SoundCloud

Disponível para Web, iOS, Android, Chromecast e Xbox One, a SoundCloud é outra plataforma grátis de música. Apesar de ser sediada na Alemanha, o serviço apresenta artistas de todo o mundo, inclusive do Brasil, sendo considerada a maior plataforma de música e áudio da atualidade.

Além de ouvintes, a SoundCloud também é bastante usada por artistas. "Os criadores musicais e de áudio usam o SoundCloud para compartilhar e monetizar seu conteúdo com uma audiência global, além de receber estatísticas detalhadas e comentários da comunidade SoundCloud", explica a empresa.

3.Vagalume

Diferente dos aplicativos acima, o Vagalume funciona como uma rádio, não sendo possível escolher músicas, mas é 100% grátis. Essa plataforma possui mais de 100 estações (playlists) de estilos e artistas variados - inclusive os mais conhecidos.

Apesar de não ser possível escolher as faixas, dá para saber quando cada música vai tocar, por meio da programação da estação.

Além de possibilitar o mix de músicas para ouvir em tempo real, o Vagalume ainda permite o download de trechos da programação das estações da plataforma para o usuário ouvir depois sem internet.